Estratégia de Requalificação do Espaço Robinson. Eduardo Souto de Moura © Direitos reservados

Proposta de ocupação Espaço Robinson

Imprimir
Plano de ordenamento

A reabilitação arquitectónica e paisagística de todo o Espaço Robinson incluí o perímetro da Fábrica Robinson, do Convento e Igreja de São Francisco e do Lagar adjacente (actuais instalações da Manufactura de Tapeçarias de Portalegre), valorizando a perspectiva histórica e protegendo o vasto espólio arqueológico e arqueológico-industrial, ao mesmo tempo que relê a paisagem e a qualidade de vida na cidade. O projecto enaltece a revitalização do Património através da recuperação e adequação de espaços culturais, da sua promoção, colocando-os ao serviço da Educação, da Formação e do Conhecimento.

 

O plano de ordenamento, da autoria do consórcio de arquitectos Eduardo de Souto Moura e Graça Correia, foi aprovado pelo IGESPAR em Janeiro 2008. Daqui decorrem todas as intervenções propostas para o Espaço Robinson com o objectivo último de reconverter um vazio industrial com mais de 7 ha, num espaço público de fruição cultural, com actividade e visibilidade.

 

Proposta de ocupação do Espaço Robinson 

 

Regeneração Urbana e Espaço Robinson